topo

Seminário Nacional de Mobilidade Urbana foi um sucesso! 01 de novembro de 2013

 

 
Cerca de 800 pessoas de todo país, incluindo gestores e funcionários públicos, profissionais, estudantes e interessados, estiveram reunidos nos dias 29 e 30 de outubro, em São José dos Campos, no Seminário Nacional de Mobilidade Urbana, realizado pela Associação de Engenheiros e Arquitetos de São José dos Campos- AEA/SJCampos, com o apoio do Conselho de Arquitetura e Urbanismo  - CAU/SP e patrocínio do Colinas Green Tower.
 
O evento contou com palestras de diversos especialistas em mobilidade urbana e desenho universal e ganhou destaque na imprensa ao reunir profissionais de todo o Brasil e também da Colômbia para mostrar soluções já existentes para questões relacionadas à acessibilidade, e integração entre diversos modais de transporte.
 
Para o presidente da AEA/SJCampos, Engenheiro Civil Carlos Vilhena,  o objetivo foi mostrar casos práticos e inspirar ações nas cidades. “Em um momento em que as cidades precisam agir em busca de um crescimento ordenado, discutir a mobilidade urbana, de maneira técnica e por profissionais de urbanismo, torna-se não só oportuno, como também imprescindível, já que é urgente a necessidade de reverter esse quadro caótico que se apresenta nas vias públicas”, diz.
 
Durante o city tour em ônibus articulado pela cidade, que recentemente ganhou faixas exclusivas para ônibus; poder público, engenheiros, arquitetos, estudantes, interessados e até integrantes do movimento Passe Livre realizaram um debate sobre a efetividade dos corredores exclusivos de ônibus.
 
 
Especialistas em todas as áreas da mobilidade urbana

O presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo- CAU/SP, arquiteto e urbanista Afonso Celso Bueno Monteiro, foi o primeiro palestrante e falou sobre acessibilidade universal. Afonso ressaltou a importância da participação dos profissionais no planejamento da mobilidade urbana dos municípios. “Os arquitetos e urbanistas precisam participar da condução do plano diretor dos municípios”, diz.
 
 
 
O seminário contou também com a presença do atleta e cadeirante Eduardo Mayr, presidente da ABRC (Associação Brasileira de Rugby em Cadeira de Rodas), que destacou o tema acessibilidade e contou suas experiências viajando pelo mundo.
 
A jornalista Natália Garcia levou dados sobre transito e transporte e levantou questões sobre como mensurar o problema ou as soluções para a mobilidade urbana. Falou sobre suas experiencias pelo mundo ao viajar com sua bicicleta dobrável e mostrou bons exemplos de como a bicicleta pode ser utilizada como um meio de transporte seguro e eficaz, assunto também dominado e defendido pelo arquiteto Ricardo Corrêa, da TC Urbes.
 
As calçadas foram tema das palestras do Engenheiro civil Jary Castro, presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso do Sul (Crea-MS),  da engenheira Erika Mota, especialista em gestão pública e coordenadora do Programa Soluções Para Cidades da ABCP e do engenheiro civil Germán Madrid, colombiano especialista em planejamento de calçadas e vias públicas, que implantou em Medellín, na Colômbia, um projeto considerado referência mundial em integração entre modais.
 
Para falar de transportes de massa, a AEA/SJCampos convidou o jornalista Marcos de Souza, do Portal Mobilize Brasil, que apresentou diversos casos de sucesso de cidades que implantaram o transporte por VLT e BRT.
 
 
O pedestre foi tema das palestras sobre parques lineares, com apresentação da arquiteta Celimene Arantes, da Prefeitura de Goiânia, que mostrou o caso do parque linear Macambira Anicuns, e da arquiteta Anna Dietzsch que apresentou o parque linear da Vila Madalena, em São Paulo. 
 
Englobando todos os temas abordados, o empreendimento Pedra Branca, apresentado pelo  administrador Valério Gomes Neto, mostrou que um bom planejamento, bons projetos, vontade política e pessoas engajadas e determinadas podem fazer a verdadeira Cidade para Pessoas!
 
Confira as fotos do evento abaixo:
 

Comentar Publicação